Woslom em São Paulo – 29 de Junho

A banda de Thrash Metal paulistana, Woslom, realizou uma grande festa no Blackmore Rock Bar, para comemorar o seu retorno da bem sucedida turnê Européia 2012 e sendo este o último show na capital paulista para a divulgação do seu álbum de estréia “Time to Rise“.

 

Por Klemer Santiago / Fotos Edu Lawless

 
DSC_0005

Composta por Silvano Aguilera nos vocais e guitarra, Francisco Stanich Jr. no baixo, Rafael Iak na guitarra e Fernando Oster na bateria, a banda Woslom propõe um Thrash Metal que nos leva as fases primórdias do Metallica, deixando evidente tal influência musical! Os vocais são inspirados em James Hetfield, porém Silvano Aguilera demonstrou muita personalidade e sempre tinha o público em suas mãos, já Rafael Iak fazia bases perfeitas e solos com performances eletrizantes, Francisco não parava um só minuto de agitar no palco, mas quem roubou mesmo a cena ao vivo foi o baterista Fernando Oster, era nítida a sua alegria de estar tocando na cidade que originou a banda Woslom e mesmo sem microfone, cantava todas as letras de cada música que foi executada.

 

DSC_0387O evento foi uma grande festa, com um clima de alegria, respeito, camaradagem e acima de tudo bom som! A primeira música da noite foi “Time to Rise“, música essa que é a carro chefe da Woslom e que deu o título ao álbum. Em seguida, eles mandaram a pesadíssima “Beyond Inferno” e depois dela deu-se início a uma grande festa, com participações especiais, que contaram com integrantes de inúmeras bandas do metal nacional, que se mostraram bem à vontade e em perfeita sintonia com a banda, dentre elas estavam: Fabio de Paula (vocalista da banda Hell Light), Rafael Rocha (guitarrista da banda Metallica Tribute) que dividiu os solos com Rafael Iak na música “Despise your Pain”, Alexandre H. Grunheidt (vocalista da banda Ancesttral) que agradeu muito a homenagem que a Woslom fez ao gravar um cover de sua música “The Famous Unknown”, Marcelo Campos (baterista da banda Trayce), Wash (vocalista da banda Command 6), Flávia Mornietári (vocalista da banda Hellarise), Gustavo Marabiza (baixista ex-Sakramento e sem banda no momento) que topou o desafio de tocar a música “Checkmate” que tem 9 minutos e ele executou-a com muita segurança e agitou muito, Leo, Oscar e Marcelo (integrantes da banda Red Front) que executaram sua música “Circle of Hate” juntamente com o Woslom e para finalizar, Ale Spike (vocalista da banda Chemical Disease) foi chamado para cantar a última música da noite “Mortal Effect”.

 
DSC_0343

Infelizmente, outras duas participações estavam programadas, seriam a do Victor Prospero (baixista e vocalista da banda Necromesis) que quebrou o braço e não pode participar, e a do Rafinha Moreira (vocalista da banda Reviolence) que sofreu um acidente a caminho do Roça’n’Roll em Varginha e não pode comparecer a esse show.

 

Grande show da Woslom e agora é aguardar muito mais dessa banda, pois esse ano eles darão início a composição de seu segundo álbum.

 

DSC_0006Setlist

01.Time to Rise

02.Beyond Inferno

03.The Deep Null

04.Despise your Pain

05.The Famous Unknown (cover da banda Ancesttral – ‘Brazilian Underground Union Project’)

06.Soulless

07.Downfall

08.Checkmate

09.Circle of Hate (cover da banda Red Front – ‘Brazilian Underground Union Project’)

10.Mortal Effect

 

Galeria de Fotos

 


Leia também:


Klemer Santiago

Heavy Metal Breakdown!

Compartilhe

Comente


  • http://www.facebook.com/lanardi85 Leandro Nardi

    Estava lá e achei demais esse show! Parabéns Woslom e staff da Rock Express pela ótima cobertura!

  • jpmmota

    Parabéns ao Woslom pelo grande show!!

    E que venha o próximo álbum!! =)