Carro Bomba e Torture Squad em São Paulo – 13 de Julho

Nesse Dia Mundial do Rock, repleto de shows por todo o país, a equipe do ROCK EXPRESS se dividiu para cobrir shows na baixada santista, onde iniciou a turnê brasileira da banda Shadowside (confira a resenha), na capital paulista onde aconteceu o show da banda Korzus na Choperia do Sesc Pompéia (confira a resenha) e ainda na capital, conseguiu comparecer também ao Manifesto Rock Bar para poder cobrir o show das bandas Carro Bomba e Torture Squad.

 

Por Klemer Santiago / Fotos Pri Secco
 

A banda paulistana de Heavy Metal, Carro Bomba, é formada por Rogério Fernandes (vocal), Marcello Schevano (guitarra), Fabrizio Micheloni (baixo) e Heitor Shewchenko (bateria) e eles foram convidados pelo Torture Squad para dividirem o palco nesse grande evento.

 

Eles começaram o seu show divulgando o seu mais recente álbum “Carcaça” com a música “Bala Perdida” com um guitarrista que mistura riffs pesadíssimos inspirados no grandioso Black Sabbath, um baixista extremamente criativo e brilhante no palco, uma bateria envenenadíssima e um vocalista que dá uma aula de canto ao soltar sua voz, temos ai uma banda fantástica! Seu som lembrou também uma das lendárias bandas de rock brasileiro, a Patrulha do Espaço.

Carro Bomba

O vocalista Rogério agradeceu: “Eu gostaria de agradecer muito ao Torture, por ter aberto as portas para o carro bomba. E que isso seja uma lição para todas as bandas! E completou: vamos ter efeitos especiais no show de hoje… é efeito pirotécnico!”

 

Eles prepararam um Setlist  que incluía músicas de todos os seus álbuns, exceto e o primeiro auto-intitulado.

Carro Bomba

O show pirotécnico aconteceu depois da música “O Foda-Se” com Rogério trazendo um tubo, o qual ele apontou para a galera e o girou, gerando um estourou engraçadíssimo, daqueles que palhaços usam em circo e dele saiu um monte de tiras de plástico brilhante. Rogério conclui: “Já somos uma mega banda, já temos efeitos especiais!”

 

Excelente apresentação da Carro Bomba e para quem não conhece ainda, corra e adquira qualquer álbum deles e tenha certeza que ouvirá um heavy metal de alta qualidade  cantado em português!

 

Carro BombaSetlist Carro Bomba

1. Bala Perdida

2. Vávula

3. Carcaça

4. Sangue de barata

5. Mondo Plástico

6. Overdrive Rock’n Roll

7. O Foda-Se

8. Bomba Blues

9. Queimando a Largada

10. Punhos de Aço

 

Após o show da banda Carro Bomba, a equipe técnica subiu ao placo para prepará-lo para a próxima apresentação e uma enorme bandeira do Torture Squad foi pendurada na frente do palco, cobrindo-o por completo.

 

Torture SquadFoi chegada a vez do grupo paulistano de Death/Thrash Metal Torture Squad se apresentar e nesse instante caiu a bandeira que cobria o palco e o trio que é formado por André Evaristo no vocal e guitarra, Castor no baixo e backing vocal e Amilcar Christófaro  na bateria, começaram o show com uma música instrumental. O que presenciamos foi algo inusitado em um show de metal, o baterista Amilcar Christófaro estava tocando de costas para o público! André aproveitou essa música instrumental para se movimentar bastante pelo palco e Castor como sempre estava agitando muito! Em seguida, tocaram a “Mad Illusion” e nesse momento já começaram a surgir os primeiros moshpits!

 

A banda preparou um Setlist matador e sem demora, já emendaram a música que já virou um clássico da banda, a poderosa “Pandemonium“! O público não acreditava no que eles ouviam e após o lapso de pasmo, partiram para moshpits insanos!

 

No pequeno intervalo que teve entre as músicas “The Unholy Spell” e a “The Host“, Amilcar falou com a galera que eles poderiam subir no palco e que somente era para tomarem cuidado com o equipamento. Ele pediu para o segurança ficar tranquilo e permitir que a galera subisse no palco para darem os famosos “stage dive”. Aproveitando o momento, ele anunciou que o disco novo está pronto e que sairá no primeiro semestre de 2013.

 

Torture SquadNa sequência eles deram uma prévia de como está ficando o novo álbum e tocaram uma música chamada “War Dance“, que ainda não possui letras e o público aplaudiu muito em retorno.

 

Eles mandaram outro clássico, a música “Living for The Kill” e em meio aquele caos que ficou a pista, o público fez muitos stage dives, com direito até às mulheres pulando do palco, o que foi uma cena linda de se ver!

 

Depois da música “Horror and Torture“, Amilcar contou para a galera o porquê dele estar tocando de costas: Pessoal, por favor não pensem que estou desrespeitando vocês.. de jeito nenhum! Hoje como é o Dia Mundial do Rock, surgiu essa idéia doida na minha cabeça e eu decidi tentar!

 

Torture ao vivo é espetacular, existe um sincronismo absurdo entre os integrantes e isso era tão evidente que mesmo com o baterista Amilcar de costas para o público e para seus companheiros de banda, ele nem precisava olhar para os integrantes para indicar quando que a banda voltaria a tocar, me refiro à aqueles momentos de pausa na música que é uma marca registrada do som Torture Squad.

 

Castor confessou: “A gente sabia que ia ser esse clima mesmo… de festa!

 

Encerraram o show com a Chaos Corporation e ficou claro: Torture continua firme e forte e trará muitas alegrias para o nosso metal nacional!

 

Torture SquadSetlist Torture Squad

01.Mad Illusion

02.Pandemonium

03. Holiday in Abu Ghraib

04.Raise your Horns

05.Convulsion

06. The Unholy Spell

07. The Host

08. War dance

09. Living for the Kill

10. Horror And Torture

11. Generation Dead

12. Chaos Corporation

 

Galeria de Fotos

Agradecimentos ao Manifesto Bar e a todos envolvido na produção e realização deste evento

Leia também:


Klemer Santiago

Heavy Metal Breakdown!

Compartilhe

Comente